Aller à la page d'accueil. | Aller au contenu. | Aller à la navigation |

 
  • Abertura do Jubileu
    Dia 4 de Novembro de 2012, na Casa do Porto, estivemos reunidos, Irmãs, Filiados e alguns amigos para comemorarmos juntos os 125 anos de presença em Portugal, os 22 anos da Beatificação da nossa fundadora Luísa Teresa de Montaignac e as Bodas de Prata de Vida Religiosa das Irmãs Maria de Lurdes e Maria Guilhermina.
  • Primeiras Oblatas em Portugal
    D. Maria Emília Luísa Bolhmann de Miranda e sua filha Carolina de Miranda foram as primeiras Oblatas do Coração de Jesus, em Portugal
  • Páscoa
    Passagem da morte à vida com Jesus Cristo
  • Festa da Bem-Aventurada Luísa Teresa
    No dia 27 de Junho celebramos a Festa da Bem-Aventurada Luísa Teresa, nossa fundadora. E um acontecimento importante para todo o Instituto.
  • Retiro das Oblatas Filiadas e Casais Filiados
    No dia 3 de Abril 2011 tivemos um retiro na quinta da Aveleda, sobre o tema "Formamos un só corpo"


 


 


 


 
Acções do Documento

Oblatas Religiosas

"Que todos sejam um; como tu, ó Pai, estás em Mim e Eu em ti, que também eles estejam em nós; para que o mundo creia que tu me enviaste". (Jo.17, 21)

Jesus reúne-nos para viver a Oblação na Igreja. A vida comunitária é, para as Oblatas chamadas à vida religiosa, um dos meios privilegiados de tender à unidade e de realizar a missão.

communaute cz-wa.jpg

Pela união de cada uma das Oblatas com Deus e pela união entre elas, a comunidade testemunha, entre os Homens, o amor de Deus.

temoignage.jpg

Na contemplação do Amor Trinitário, encontra a fonte da sua unidade e haure, na Eucaristia, a força de a viver.

soeurs.jpg

A exemplo da primeira comunidade cristã, a Oblata abre-se à acção do Espírito  Santo para viver na oraçao, no acolhimento e na partilha, a comunhão fraterna que já é sinal do Reino de Deus.

mm.jpg

Queremos viver em família, uma vida religiosa muito simples, tendo Nazaré diante dos olhos e a Santíssima Virgem por modelo.

sainte famille.jpg

L.V n° 51-53